terça-feira, 10 de julho de 2012

Tá no DNA do brasileiro.

O Bernardinho em uma entrevista, disse que está cansado de ser o treinador da seleção brasileira de vólei, não pela profissão em si, mas por causa de um fenômeno. Ele disse que quando foi técnico da seleção pela primeira vez era muito complicado convencer os atletas a treinarem, principalmente os fundamentos básicos. As brigas com os atletas eram históricas.
Porém depois de muita insistência todos entenderam o quão importante eram todos os exercícios técnicos/táticos. A seleção brasileira se tornou uma grande campeã, com o passar dos anos.
Atualmente os atletas mais novos não querem treinar, porém o argumento é outro, agora dizem que treinos não são necessários porque são brasileiros, e os nativos daqui naturalmente são bons de vólei, por isto eles foram campeões várias vezes!


Brasileiro tem este problema, achar que pelo fato de ser nascido aqui seus genes são superiores, é assim com tudo, brasileiro acha que é o melhor no futebol, os jogadores acreditam que naturalmente são os melhores só porque são brasileiros, mas a realidade é outra, na última decisão de penaltis que a seleção enfrentou, ninguém acertou um chute sequer... triste.


Na música sempre escuto pessoas dizerem que os brasileiros são muito melhores de ritmo que os americanos, simplesmente porque aqui é a terra do samba. Aqui todos acreditam que qualquer um que ouça samba em churrascos saberá naturalmente tocar pandeiro ou qualquer outra coisa, resultado: Esta falta de disciplina e de noção impera em todas as áreas da vida do brasileiro com resultados sofríveis.

Se esta idéia do DNA fosse verdadeira, qualquer japonês seria mestre em Karatê, ou qualquer chinês seria mestre em Kung-Fu, ou qualquer alemão seria engenheiro mecânico já no berço.


As pessoas confundem a tradição que um país tem em ser bom em algo devido ao imenso trabalho dos envolvidos, e não por causa do DNA. 
Atualmente o Brasil consegue ser o pior em tudo o que participa, seja o PISA, seja olimpíadas, seja copa do mundo, enfim, atualmente não dá pra ter orgulho de ser brasileiro.
Vejam bem, em todas as áreas existem brasileiros esforçados que sabem que não existem milagres genéticos, mas estes são tão poucos que estão diluídos na mentalidade da maioria, estes não aparecem, e quando o fazem, são levados para países mais civilizados e lá crescem muito.




"Sem esforço, estudo, disciplina, método e principalmente tempo, ninguém fica bom em nada, só o DNA não resolve".


Abraços.

Um comentário: